Wiseoffices - Gestão de espaços de trabalho
Wiseoffices - Gestão de espaços de trabalho

Teletrabalho x Home Office: Tem diferença?

Teletrabalho, Home Office, Trabalho Remoto… Essas palavras aparecem com certa frequência nas notícias, redes sociais e conversas profissionais. Embora existissem antes, essas modalidades foram impulsionadas durante a pandemia de Covid-19, que alterou profundamente as relações de trabalho.

O que talvez você não saiba é que Teletrabalho e Home Office não são sinônimos. Para esclarecer tudo isso, o Tribunal Superior do Trabalho lançou uma cartilha detalhando os conceitos e as diferenças. Vamos lá!

O que é Teletrabalho?

É a modalidade de trabalho realizada fora das dependências do empregador, com a utilização de recursos tecnológicos e que não se enquadram na ideia de trabalho externo. No teletrabalho (que deve constar no contrato individual), o empregado não fica sujeito ao limite de jornada e ao controle de horários estabelecidos, motivo pelo qual também não há direito ao pagamento de horas extras e de adicional noturno.

O que é Home Office?

Estudiosos do tema classificam o home office como um tipo de teletrabalho, ou seja, o trabalho é prestado de casa. Pense no home office como uma extensão da empresa, como se o regime de trabalho convencional estivesse sendo performado em casa.

Não é necessário nenhum tipo de formalização ou alterações no contrato de trabalho para a prestação do serviço na forma de home office.

Qual a diferença de Teletrabalho e Home Office?

Diferente do teletrabalho, o home office não é reconhecido por lei. Isso acontece porque o home office não é compreendido como um regime de trabalho diferente, mas sim como uma extensão da empresa para a casa do trabalhador, sem nenhuma alteração das condições de trabalho.

O teletrabalho é regulamentado e foi incluído na CLT (Consolidação das Leis de Trabalho), atribuindo um conceito legal ao teletrabalho, estabelecendo limites à sua aplicação e regulamentaram sua forma de adesão. Atualmente, não existe previsão de regulamentação do home office. Entretanto, com o número crescente de empresas aderindo ao modelo, é possível que essa discussão ganhe força no futuro.

E quando for necessário trabalhar presencialmente?

Tanto no teletrabalho quanto no home office, pode ser necessário comparecer à empresa em situações específicas. Algumas atividades, treinamentos e reuniões talvez precisem da presença do profissional no escritório. E como organizar isso?

Plataformas como a WiseOffices permitem que o colaborador reserve sua própria estação de trabalho ou sala de reunião, garantindo que seu lugar estará disponível em determinada data e horário. A ferramenta traz mais conforto, praticidade e agilidade para todos, evitando estresse e desencontros.

Compartilhe nas Redes:

Entre em contato com nossos especialistas e saiba como a WiseOffices pode ajudar sua empresa!

Tem dúvidas se a WiseOffices é a melhor plataforma de gestão de workplace para sua empresa?

Entre em contato com a WiseOffices.

Preencha os dados para nossa equipe falar com você: